music


sexta-feira, 18 de agosto de 2017

I GAVE UP

Ola

Eu queria poder descrever/contar o que aconteceu ontem, mas tenho vergonha. Estou com vergonha de mim mesma, me sinto humilhada. Só vou dizer que magoei umas pessoas, pessoas as quais eu gosto demais, tenho que dizer que foi sem intenção nunca quis isso... O que me mata é simplesmente não lembrar do que eu fiz, passei a madrugada tentando e não consigo...To me sentindo meio louca.
Entre a culpa e a vergonha também  fiquei muito triste, triste  porque ao interpretar minhas ações me disseram umas coisas que eu sei que eu não sou.

Cheguei a conclusão que não importa o que eles pensam, eu sei o que penso e sinto, não eles. E que se não me querem por perto então não vou tentar mais participar de um circulo de amizades que não querem minha presença.

Acho incrível como não importa toda vez que entro em algum novo grupo sempre sou excluída das coisas... Será que sou tão detestável assim?  Ai eu tento, tento me aproximar e acabo ferrando com tudo, piorando as coisas.



Em geral eu já não estava bem. Minha ansiedade esta fora de controle, não me sinto bem a semanas. Novamente eu levanto da cama e faço ( mais ou menos) o que tenho que fazer no dia, trabalho, vou pra faculdade, converso e fingo
Não vou lutar mais contra ela. Foda-se. Deixa ela tomar conta dos meus dias e noites como antes, pois com ela eu não tenho que ligar pra mais nada. Ela só tem um objetivo...

Beijss

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

62

Ola

Sou uma pessoa ingrata, egoísta, superficial, a pior pessoa do mundo... Não suporto a ideia de falar com alguém sobre meu T.A, eles provavelmente pensariam tudo isso de mim (provavelmente estariam corretos), mas o pior me chamaria de mentirosa...
Afinal eu amo comida, me amo, amo meu corpo, sou segura, a garota que posta nude.... haha
Nós nunca estamos doentes o suficiente, porque não estamos magra. Não magra o suficiente, bonita suficiente, interessante suficiente, inteligente suficiente. Nunca suficientes.  
Se ela não tem força o bastante, porque ela não me deixa em paz? Porque ela continua a me atormentar, quando não posso fazer nada para cala-la?

Como um anuncio em neon em minha mente vejo/penso: 62kg

62
62
62
62
62
62
62
62

O que significa esse numero? Este maldito numero...

Será que ainda tenho um T.A ? Será que quero isso? Desejando ter aquilo que não tenho sobre nada, controle.
Isso só é real aqui, nestas paginas, nestes blogs. Na vida real, no restante do tempo a mascara prevalece firme e posta sobre tudo, incluindo as cicatrizes.

Beijss

terça-feira, 25 de julho de 2017

Busca-se EU

Olá

Vivo em um mundo cercada de talento e beleza dais quais não possuo, a perfeição que não pareço ser capaz de alcançar. A cada vez que venho a este blog sinto me repetindo a mim mesma, mas as coragem se foi a muito tempo, não tenho forças para tudo que me proponho a fazer, alias se não puder ser perfeito qual o sentido de tentar?
O espelho condena apontando todos os delitos cometidos, uma parte de mim grita em minha mente: PARE! Pare de comer, pare de tentar alcançar o inalcançável, simplesmente pare....
Sei que daqui algumas semanas isso muda passo a me controlar diante da comida e até mesmo despreza-la, prometerei a mim mesma não deixar acontecer novamente, mas sei que vou. A perspectiva de que isso durará o resto de minha vida é inquietante.
 Se alguém ainda le esse blog deve se entediar, nunca trago boas noticias, sempre reclamando sobre os mesmos assuntos.
Só de verdade queria achar os pedaços de mim que fui perdendo pelo caminho.

Beijss

quinta-feira, 22 de junho de 2017

não esta sendo uma boa semana

Ola

Culpa, culpa, culpa....
Não importa o quanto tente não consigo me controlar, me sinto tentada a fazer NF... coisa que não faço ha algum tempo., mas é aquela velha historia: Se eu comer alguma coisa vou comer tudo, então não como nada.
As pessoas acham que me amo, que amo meu corpo... HaHa! Se ao menos soubessem... E se soubessem? Teria coragem de contar pra alguém fora da internet? Acreditariam ?

Queria tanto o controle... queria tanto não ver o que vejo no espelho ultimamente...
Eu odeio, odeio ser essa coisa, odeio perder tempo da minha vida com isso, odeio principalmente a mim mesma.

beijss

segunda-feira, 19 de junho de 2017

the enemy is inside of me

Ola

Não importa o quanto eu tente, não posso me separar dela... Somos uma só.
Presas uma a outra pela eternidade. A que eu fui e a que eu sou hoje. Somos memorias e o presente, a fantasia e a realidade, forças sempre contrarias em conflito inimigas obrigadas a viver sob a mesma pele. Se não a odiasse provavelmente a amaria, mas é difícil amar fragmentos de si mesma.

De o nome que quiser a ela chame de ana se quiser, mas ela sou eu e eu sou ela. A voz continua ela gosta de me torturar,o vazio me presenteia com sua aprovação. Eu a quero e ela me quer... perfeita, coisa que me é impossível.


segunda-feira, 29 de maio de 2017

Go ahead and cry little girl...

Ola
Essa culpa que me consome, viver na minha pele é uma jornada tortuosa. Todas as vezes que caio penso, agora sim essa é a ultima vez, não vou conseguir levantar, porem sigo em frente todas as vezes....
Até quando? Os dias ruins passam e a experiencia dos bons dias faz valer a pena.
Neste momento queria estar na minha cama. Queria um abraço de quem me ama, existe tal pessoa?
Cansada... é como me sinto, cansada.

Beijss

domingo, 28 de maio de 2017

Começa outra semana

Ola

Domingo, amanhã se remomeça tudo, segunda dia universal de se começar dieta.
Essa semana foi relativamente positiva, consegui me controlar bem, mas de quinta pra cá o negocio desando. Dificil mesmo querer fazer isso de TPM/Menstruada. Não teve diferença na balança e não esperava que tivesse.
Essa semana vai ser melhor, meu pior problema é a noite chego da faculdade e tenho vontade de comer o mundo...
Tudo que queria mesmo é aquela capacidade de ficar dias sem comer. Nada me é suficiente.
Meu objetivo dessa semana é perder 1kg.

Beijss

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Ola

Transtorno alimentares são perfeitas ilusões. Corpos "perfeitos" que estão doentes, mentes obcecadas e igualmente doentes.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Novamente...

Ola

Nada fala mais alto que a imagem do espelho, do que os numeros na balança.
Ela parece gritar na minha cabeça todas as verdades que eu já conheço... Sou uma gorda, descontrolada, nojenta, feia...
Tenho comido que nem um bicho desvairado pela fome. O vazio não me larga e qual outra opção me resta?
Eu preciso do controle, as consequências valem a pena...por hora.
Nada que eu conheço se iguala a seu poder, tanto de destruição quanto de dar propósito.
Recuso a permanecer neste estado. Começarei a restringir novamente. Não aguento a culpa ou me ver desta forma.

Beijss

sábado, 15 de abril de 2017

Tantas de nós...

Olá

Tanta de nós estamos presas por nossos desejos, promessas e projetos de auto destruição... de amor próprio...
Não conseguiria jamais calar essa voz em minha mente que constantemente  me diz que sou insuficiente. O espelho mostra a verdade, os fracassos acumulados, a falta de controle.
Nao tenho muitas palavras pra dizer.

Beijss