quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Ainda tento entender

Ola


Se morasse sozinha sinto q ia ser mt melhor afinal oq ia preparar pra comer seria menos calorico, se quisesse fazer NF não ia ter q dar desculpas e não ia ter ngm me cuidando...to cansada de ouvir certos comentarios pq sinceramente eu sei q fico sem comer nada as vezes (não que as pessoas saibam que fico dias), mas da msm forma sei me alimentar de forma saudavel. Quero um equilibrio.
Queria entender, as vezes me questiono se tenho algum transtorno mesmo pq não me encaixo em nada certinho... Sei que sou compulsiva (afinal foi isso que me trouxe até aqui), a pergunta é será que tem uma definição pro que sou? TCAP eu sei que tenho, mas será que to migrando pra outras coisas? Será que sempre "tive a ana" e só desenvolveu agora? Porque durante pesquisas e ouvindo relatos, muitas coisas são
parecidas ou idênticas. Minha infância, auto imagem, auto estima, sentimentos, pensamentos, hábitos alimentares etc.

Quero ser normal, mas a culpa rege minha ações eu não queria ser tudo ou nada, atualmente é o que estou tentando me sinto praticamente em RA.
Temo a descoberta desta parte da minha vida pelos outros principalmente minha mãe que de maneira alguma gostaria de ve-la sofrer.Quero achar um limite onde fique satisfeita comigo mesma em todas as caracteristicas não só meu corpo.

Acho q é só...
Obrigada pelos comentarios amores normalmente respondo no post msm (não ignoro nao ta?! kk)

Beijss

3 comentários:

  1. Ando pensando a mesma coisa, tudo o que quero é morar sozinha e essa vontade não gira ao redor da independencia e tudo o mais, é só pra poder fazer meus NFs e LFs em paz. Tudo seria mais fácil.
    É muito difícil conviver com essa dúvida, mas pessoas com transtornos alimentares são muito diferentes umas das outras, os motivos para estarem nessa situação são diversos, não há como carregar uma certeza, apesar de sabermos que estamos com esse ou aquele transtorno. Lá fora eles chamam essa mistura de EDNOS, que seria problemas com comida em geral, misturando anorexia, bulimia, compulsões e pensamentos autodepreciativos. Eu sempre me considerei EDNOS, ultimamente tenho me achado Ana, não me importo com a dúvida, prefiro ela a um doutor me dando um diagnóstico.
    Você quer melhorar Mandy, isso é algo tão grande e tão bom! É preciso coragem para sair disso, sei que você consegue. Força!

    ResponderExcluir
  2. Morar sozinha... sempre quis, mas quando penso nisso, tenho medo de que a pior pessoa com quem eu precise conviver seja eu mesma.

    Força na tua descoberta.

    ResponderExcluir
  3. Morar sozinha nem sempre é uma boa opção, pode ser muito pior, sei por mim.
    Essa questão de tentar se enquadrar em algo é perda de tempo, se vc ler alguma descrição de transtorno psicológico vc vai achar características suas...
    Estou te seguindo.
    Bjokonas
    :**

    ResponderExcluir